sexta-feira, 27 de junho de 2014

Nova entrevista de Robert com ‘Flicks and Bits’



The Rover, o tão aguardado seguimento de David Michod de "Animal Kingdom", é ambientado em um mundo 10 anos após o colapso do sistema econômico ocidental, onde os recursos minerais da Austrália têm atraído os desperados e perigoso para as suas margens. Com a sociedade em declínio o Estado não tem mais poder e a vida é barata. O filme acompanha o solitário e endurecido Eric (Guy Pearce), que percorre as desoladas cidades e estradas do interior da Austrália. Quando um bando de ladrões roubam seu carro, eles deixam para trás um dos integrantes, Rey, ferido (Robert Pattinson). Forçando Rey para ajudar a recuperar seu carro, Eric irá a qualquer extremo para retomar a única coisa que importa. 'The Rover' estreia nos EUA em 20 de junho e no Reino Unido em 15 de agosto.

Você realmente tem uma noção do calor no filme, e a fadiga que os personagens provavelmente estavam sentindo. Como você estava imerso no ambiente real "The Rover"?  Eu imagino que lhe permitiu cair no personagem de forma mais eficiente?

Robert Pattinson:  Eu realmente não poderia ter respondido melhor (risos)[referindo-se à resposta do Guy]. Mas eu nunca tinha filmado num lugar assim antes, não há nada por milhas e milhas. É divertido trabalhar com uma equipe em uma pequena aldeia onde todos estão saindo com o outro o tempo todo, você desenvolve um grande vínculo, e eu não tive isso por um tempo. Não consegui isso com grandes filmes de estúdio.

Como você vê essa relação que você tem com o personagem de Guy no filme? Como você se relaciona com a sua própria experiência de vida? 

Robert Pattinson: Eu acho que a fidelidade é, provavelmente, a característica mais importante em uma amizade. E eu estava muito feliz por ter realmente grandes amigos enquanto crescia. Todos os meus amigos mais próximos os conheço há pelo menos 10 anos. E é uma relação interessante em "The Rover" como a lealdade de Rey cambaleou tão facilmente. No momento em que ele volta para seu verdadeiro irmão no final do filme, eu estava pensando em como interpretá-lo quando ele vê novamente o irmão. Quase como ele se esquece de quem ele é, ele se esquece do relacionamento. Isso porque o conflito é assim, no final.

Simples e ingênuo, o Rey é muito jovem para se lembrar de uma época em que a vida era diferente. E embora ele é descrito como tolo durante o filme, seu personagem é muito auto-suficiente para um ponto. Como você se preparou para o papel?
Robert Pattinson: Eu não estou totalmente certo de que ele realmente pode obter em todos os lugares por isso particularmente bem (risos) Logo que ele está em sua mente por um segundo - aquele momento em que ele está sentado debaixo da árvore no início - ele não tem absolutamente nenhuma ideia do que fazer. É apenas uma coincidência que ele vê o carro lá.  Eu acho que se o carro de seu irmão não acabasse estando lá, ele tinha acabado por sentar-se debaixo daquela árvore e morrer (risos). Mas acho que ele responde a coisas por instinto. Em muitos aspectos, ele está basicamente sendo sequestrado por esse cara. Não que ele faça qualquer coisa por ele. Ele poderia facilmente obter um outro carro (risos). Mas como faço para me preparar para isso? Foi o script. Tudo estava no roteiro.Quando eu li o roteiro, fiquei muito instintivo. 


O filme é ambientado em um mundo de sobrevivência pura e simples, que é um pouco atirar primeiro ou morrer. Como você estava familiarizado com armas, e era desconfortável para você? 
Robert Pattinson: Eu tenho feito alguns trabalhos com armas. Eu sou muito anti-armas, especialmente quando idiotas como eu as tem. Era para eu fazer outro filme agora, interpretando um soldado, onde eu fazia algumas coisas com armas. Mas eu não sou particularmente familiar. Eu não penso fazer nenhum treinamento especial, também. Rey é suposto ser bastante doloroso, mas acaba sendo incrivelmente preciso (risos). Formação, que eu não gostei nada. Eu não gosto da sensação disso. Obviamente, você tem um pouco de emoção, a viagem do poder nisso. Eu me senti um pouco bobo segurando uma arma, no entanto. Especialmente durante as filmagens de metas. Você só tem essa máquina de fazer estrondo (risos)... depois de um tempo, ela só perde o seu brilho.


Este é um mundo abandonado e há uma abundância de momentos tranquilos, mas o que você estava pensando durante esse tempo... tanto não é dito? Você veio para ele pensando muito sobre o passado de seu personagem ...? 
Robert Pattinson: Isso primeiro momento, olhando para você quando você está dormindo na cadeira. Lembro-me de repente que, porque eu estava tentando jogar a ser preso entre dois canais. Foi interessante estar nesse momento, porque não se trata de tentar pensar em alguma coisa (risos) - a ser preso entre os canais.


Fonte | Via | LaSagaRobsten | Tradução: Irmandade Robsten Legacy 

Visite nossa Galeria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de comentar saiba que:
1. Você pode se Cadastrar com sua rede social para comentar é muito simples. Clique AQUI para saber mais.
2. Comentários, imagens e links ofensivos a Robert, Kristen ou ao trabalho realizado por esse fandom serão deletados e banidos.
2. Evitem usos de palavrões e confusões pois esses comentários serão deletados e colocados na lista de SPAM.
3.Links de sugestão de máterias por favor enviem para irmandaderobsten@hotmail.com ou no nosso chat.